Cidade

"Foi uma das melhores figuras da igreja católica", comenta MK sobre Gaspar Sadoc

A morte do Monsenhor Gaspar Sadoc da Natividade, aos 100 anos, foi lamentada por Mário Kertész na manhã desta sexta-feria (23), durante o Jornal da Bahia no Ar, na Rádio Metrópole. O religioso sofreu parada cardíaca na noite dessa quinta-feira (22), em Salvador. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Camila Tíssia no dia 23 de Setembro de 2016 ⋅ 08:08

A morte do Monsenhor Gaspar Sadoc da Natividade, aos 100 anos, foi lamentada por Mário Kertész na manhã desta sexta-feria (23), durante o Jornal da Bahia no Ar, na Rádio Metrópole. O religioso sofreu parada cardíaca na noite dessa quinta-feira (22), em Salvador.

"Grande figura, grande amigo, grande orador e grande ser humano. Eu acho que o padre Sadoc foi uma das melhores figuras da igreja católica, aqui na cidade de São Salvador. Foi também um grande torcedor do Vitória", comentou MK.

Através de nota, a Arquidiocese de Salvador pediu que as pessoas rezem "pelo descanso eterno deste 'amigo de Deus' (Daniel 3,35)", e agradeceu ao religioso que "viveu e trabalhou incansavelmente pelo Reino de Deus e que, nos últimos anos de sua vida, fez de seu leito o seu altar".

O velório foi marcado para às 8h, desta sexta, na Igreja de Nossa Senhora da Vitória. Às 15h será celebrada missa de corpo presente pelo Arcebispo Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger e na sequência, o sepultamento no Cemitério Campo Santo.

Notícias relacionadas