Cidade

"Gaspar Sadoc foi um homem que amou a Bahia", diz Dom Murilo Krieger

O arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, falou sobre o falecimento de Monsenhor Gaspar Sadoc da Natividade, durante o velório do religioso na Igreja de Nossa Senhora da Vitória, nesta sexta-feira (23). Em entrevista ao Metro1, ele comentou qual seria o legado deixado pelo padre durante o sacerdócio exercido por ele na capital baiana. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni e Matheus Morais no dia 23 de Setembro de 2016 ⋅ 11:04

O arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, falou sobre o falecimento de Monsenhor Gaspar Sadoc da Natividade, durante o velório do religioso na Igreja de Nossa Senhora da Vitória, nesta sexta-feira (23).

Em entrevista ao Metro1, ele comentou qual seria o legado deixado pelo padre durante o sacerdócio exercido por ele na capital baiana. "O primeiro grande legado e a primeira grande herança é a fidelidade. Um homem que, desde o seu batismo, durante mais de 100 anos foi fiel a Deus, o amor e o serviu. Esse é o segundo legado: o serviço e a alegria de servir ao reino de Deus", disse Dom Murilo.

"Foram 75 anos como sacerdote, conquistando pessoas não para si, embora tenha feito muitos amigos assim, e sim conquistando para Deus. Ele veio nos mostrar que vale a pena depositar a nossa vida em valores que não passam. Tenho certeza de que o Senhor está alegre em acolhê-lo, e que vai derramar muitas graças e bençãos para nós por causa da fidelidade desse seu filho", declarou.

Ainda segundo Krieger, a morte de Monsenhor Gaspar Sadoc representa "uma perda para a Bahia". "Foi um homem que amou a Bahia, e a gente sentia que esse estado está no coração. Tenho certeza de que esta última visita que pude fazer pouco antes de sua morte foi uma graça, não por mim, mas que Deus se utilizou de mim em vista de todo o bem que ele pôde fazer pela a Igreja", declarou Dom Murilo, ressaltando que ele estava "feliz, e feliz deve ter partido para os braços Daquele que ele amou e serviu durante mais de 100 anos".

Confira galeria:

Notícias relacionadas