Cidade

Presidente do TSE desconsidera violência nas eleições: "quadro de paz"

O ministro e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, afirmou, em uma coletiva cedida à imprensa em São Paulo, que, apesar dos casos de violência registrados, as votações seguem tranquilas em todo o país. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Laura Lorenzo no dia 02 de Outubro de 2016 ⋅ 16:17

O ministro e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, afirmou, em uma coletiva cedida à imprensa em São Paulo, que, apesar dos casos de violência registrados, as votações seguem tranquilas em todo o país.

“A votação está ocorrendo num quadro de paz. Quanto aos incidentes graves demos as respostas adequadas com as forças de segurança estaduais juntamente com a força federal, que estão atuando onde foi necessária uma ação mais ostensiva”, declarou o ministro. Mais de 400 municípios brasileiros receberam o apoio da força federal. 

Gilmar falou também sobre os casos de violência no Rio de Janeiro. “Mandamos as forças federais a pedido do próprio presidente do TRE-RJ, portanto, há um apoio significativo. Estamos acompanhando os incidentes graves que ocorreram em Itumbiara (GO). Eu mesmo estive ontem em São Luis (MA) onde tivemos rebeliões. Estamos acompanhando esse quadro atendendo aos pedidos que estão sendo feitos”, garantiu.

O presidente finalizou afirmando que “houve uma deterioração do quadro de segurança pública no Brasil e isso se reflete no processo eleitoral. Não se trata de um processo eleitoral mais violento”.

Notícias relacionadas

[AI-5 é uma 'mancha na vida do Brasil', diz MK; ouça]
Cidade

AI-5 é uma 'mancha na vida do Brasil', diz MK; ouça

Por Metro1 no dia 13 de Dezembro de 2018 ⋅ 08:48 em Cidade

Aniversário de 50 anos do decreto que endureceu a ditadura militar foi um dos assuntos trazidos por Mário Kertész em comentário na Rádio Metrópole