Cidade

População deve evitar banho de mar neste fim de semana, alerta Salvamar

A população de Salvador deve evitar o banho de mar neste final de semana (7 e 8). Segundo o coordenador do Salvamento Marítimo (Salvamar), João Luiz Moraes, por conta da frente fria que chegou à Bahia, as correntes e ondas ficam mais fortes. Além disso, a água fica poluída e a população corre o risco de pegar doenças como leptospirose, micoses e outros problemas de pele. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Agecom/Vilnia Sena

Por Jessica Galvão no dia 08 de Outubro de 2016 ⋅ 09:00

A população de Salvador deve evitar o banho de mar neste final de semana (7 e 8). Segundo o coordenador do Salvamento Marítimo (Salvamar), João Luiz Moraes, por conta da frente fria que chegou à Bahia, as correntes e ondas ficam mais fortes. Além disso, a água fica poluída e a população corre o risco de pegar doenças como leptospirose, micoses e outros problemas de pele.

Aproximadamente 80 salva-vidas ficarão de plantão das 8h às 17h para prevenir afogamentos e instruir os banhistas, em 40 pontos fixos de salvamento nos trechos entre o Jardim de Alah até a Praia de Ipitanga. Porém, quem mesmo assim for à praia, deve ficar atento às bandeiras de sinalização disponíveis ao longo da orla, porque elas devem indicar onde existe um posto de salvamento (bandeira amarela) ou o local que oferece perigo (bandeira vermelha).
 
Além dos equipamentos de uso regular como nadadeiras, salsichões e pranchas, os salva-vidas terão à disposição dois jet skis e um bote. Em caso de emergência, basta se dirigir até um posto salva-vidas mais próximo ou ligar para a sede do grupamento, localizada na Avenida Otávio Mangabeira, Patamares, através do número (71) 3363-5333.

Notícias relacionadas