Cidade

Lourenço Mueller sobre projeto Logradouro: "Vamos animar, revitalizar a rua"

O arquiteto e urbanista Lourenço Mueller foi entrevistado por Mário Kertész, na Rádio Metrópole, no início da tarde desta terça-feira (25), e falou sobre o lançamento do seu projeto intitulado "Logradouro", que tem o objetivo de acender a cultura e a história das ruas de Salvador, a começar pela Rua Humberto de Campos — jornalista, político e escritor maranhense —, na Graça. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Ucsal

Por Gabriel Nascimento no dia 25 de Outubro de 2016 ⋅ 13:18

O arquiteto e urbanista Lourenço Mueller foi entrevistado por Mário Kertész, na Rádio Metrópole, no início da tarde desta terça-feira (25), e falou sobre o lançamento do seu projeto intitulado "Logradouro", que tem o objetivo de acender a cultura e a história das ruas de Salvador, a começar pela Rua Humberto de Campos — jornalista, político e escritor maranhense —, na Graça. "É infraestruturar a rua, não apenas a nível de eletricidade, mobilidade, sinalização, essas coisas, é a questão cultural, animar, revitalizar a rua", declarou.

"A ideia é, a partir de um evento como esse, a gente fazer uma série de poesias declamadas, um sarau, recital de poesias, que pessoas que vão declamar poesias de Humberto de Campos, ou poesias próprias, como Joaci Góes. É sobretudo, convidar os síndicos dos condomínios, são 15 torres, os 9 proprietários das casas que compõem a rua Humberto de Campos. Essas pessoas poderiam configurar uma futura associação de amigos da região. Desenvolver projetos para a rua e transformar isso, fazer a rua encantada", explicou.

Mueller falou ainda sobre a vida de Humberto — conhecida por poucos na capital baiana, segundo ele. "Os próprios moradores da rua não conhecem. A personalidade dele é controversa, tem altos e baixos, dificilmente vai se encontrar uma pessoa tão famosa. Começou tristemente a vida dele, a pobreza, medo, perseguição. A ideia não é discutir a vida dele e sim fazer aqui na rua, um memorial Humberto de Campos. Simples, digital", afirmou.

De acordo com Mueller, levar um determinado grupo para a rua é um desafio. "É mais difícil trazer um morador de um apartamento de 200 m², com uma climatização de 18º graus, um bar cheio de uísque, tirar esse personagem do casulo e colocar na rua é uma ingenuidade. Mas vou em frente, vou tentar fazer isso. Tenho um projeto pra fazer na cidade toda", concluiu. O evento começa das 19h às 22h, no Graça Apart, na rua Humberto de Campos.

Notícias relacionadas

[Universidade Católica de Salvador completa 57 anos ]
Cidade

Universidade Católica de Salvador completa 57 anos

Por Metro1 no dia 18 de Outubro de 2018 ⋅ 09:55 em Cidade

A instituição foi inaugurada pelo 1º Grão Chanceler, D. Augusto Álvaro Cardeal da Silva e teve como primeiro reitor o Monsenhor Eugênio de Andrade Veiga (1962-1979)