Cidade

MP calcula prejuízo de R$ 473 milhões em fraude na distribuição de etanol

A "Operação Etanol II" foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) nesta terça-feira (25), para combater um esquema de sonegação e outras fraudes fiscais na comercialização e distribuição de etanol no estado. No condomínio Alphaville e na Barra, a ação cumpriu mandados de busca e apreensão. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação / Secretaria da Fazenda

Por Luiza Leão no dia 25 de Outubro de 2016 ⋅ 15:13

A "Operação Etanol II" foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) nesta terça-feira (25), para combater um esquema de sonegação e outras fraudes fiscais na comercialização e distribuição de etanol no estado. No condomínio Alphaville e na Barra, a ação cumpriu mandados de busca e apreensão. 

As investigações, que tem apoio da Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) e Secretaria de Segurança Pública (SSP) apontam um prejuízo de R$ 473 milhões aos recursos do estado através do esquema. A primeira fase da operação foi iniciada na Bahia em 2013.

Ainda de acordo com as investigações, o grupo de empresários cometeu crimes contra a ordem tributária, como desvios em postos fiscais, desativação irregular de empresas, criação de novas empresas através de "laranjas" e à medida em que as instituições eram tornadas inaptas pela Sefaz, havia o movimento comercial para outras do mesmo grupo. 

Notícias relacionadas

[Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos]
Cidade

Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos

Por Matheus Simoni no dia 21 de Outubro de 2018 ⋅ 08:30 em Cidade

Professor Emérito da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e entusiasta da área de pesquisa, ele foi um idealizadores do Centro de Estudos Egas Mo...