Cidade

Gilmar Santiago questiona anistia a 1.858 multas de empresa de ônibus

O vereador Gilmar Santiago (PT) questionou a anistia dada pela prefeitura de Salvador a 1.858 multas da empresa de ônibus Ótima Transportes de Salvador SPE S/A (OTTrans). Segundo ele, o "perdão" das multas é um privilégio que o cidadão soteropolitano não tem. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ASCOM/CMS

Por Matheus Simoni no dia 02 de Novembro de 2016 ⋅ 14:30

O vereador Gilmar Santiago (PT) questionou a anistia dada pela prefeitura de Salvador a 1.858 multas da empresa de ônibus Ótima Transportes de Salvador SPE S/A (OTTrans). Segundo ele, o "perdão" das multas é um privilégio que o cidadão soteropolitano não tem. O petista fez referência à denúncia do Metro1 publicada pelo Metro1 na última segunda-feira (1).

De uma vez só, por meio de uma portaria publicada no Diário Oficial do Município, foi publicada uma lista com todas as infrações cometidas pelos condutores dos veículos da empresa e suas respectivas penalidades em forma de códigos. "E porque o cidadão não tem esse privilégio?", questionou o vereador, lembrando que são generalizadas as queixas contra a "indústria de multas" instalada pela prefeitura na cidade.

"A ampla defesa dada pelos prepostos de ACM Neto às empresas de ônibus não funciona para todos. Mais uma vez fica comprovado que entre o cidadão soteropolitano e os empresários de transporte, o prefeito tem lado definido. A prometida renovação total da frota não veio e muito menos o ar condicionado em todos os veículos, mas a anistia para as empresas foi rápida", criticou Gilmar.

Notícias relacionadas