Cidade

Salvador e Lauro de Freitas têm 21 praias impróprias para banho; confira lista

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) divulgou um boletim nesta sexta-feira (31) alertando a população sobre os riscos das praias na Região Metropolitana de Salvador. De acordo com o órgão, das 37 praias avaliadas nas cidades de Salvador e Lauro de Freitas, 21 estão impróprias para o banho. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Agência Brasil

Por Matheus Simoni no dia 31 de Julho de 2015 ⋅ 15:41

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) divulgou um boletim nesta sexta-feira (31) alertando a população sobre os riscos das praias na Região Metropolitana de Salvador. De acordo com o órgão, das 37 praias avaliadas nas cidades de Salvador e Lauro de Freitas, 21 estão impróprias para o banho. O Inema chama atenção para que os banhistas evitem as praias de:

-Periperi (atrás da estação Férrea); 

-Penha (em frente à Igreja N. S. da Penha);

-Bogari (em frente ao Colégio João Florêncio Gomes); 

-Pedra Furada (atrás do Hospital Sagrada Família);

-Boa Viagem (ao lado do Forte);

-Roma (atrás do Hospital São Jorge);

-Canta Galo (atrás da antiga fabrica da Brahma, atual FIB);

-Farol da Barra (em frente à Rua Dias D’Ávila);

-Ondina (próxima ao Morro da Sereia em frente ao Ed. Maria José);

-Rio Vermelho (em frente à Rua Bartolomeu de Gusmão e em frente à Igreja N. S. Santana);

-Amaralina (em frente à Escola Cupertino de Lacerda e em frente ao Edifício Atlântico);

-Pituba (em frente à Rua Paraíba e atrás do antigo Clube Português); 

-Armação (em frente ao clube Inter Pass- Jardim de Alah);

-Boca do Rio (em frente ao posto Salva Vidas);

-Corsário (em frente ao Posto Salva Vidas e em frente ao Posto Salva Vidas Patamares);

-Itapuã (em frente à Sereia de Itapuã);

-Buraquinho (em frente à barraca de Praia Chalé).

De acordo com a resolução Conama, a praia é considerada imprópria quando mais de 20% das amostras coletadas em cinco semanas consecutivas apresentam resultado superior a 1.000 coliformes fecais ou 800 Escherichia coli, ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2500 coliformes termotolerantes ou 2000 Escherichia coli ou 400 enterococos por 100 mL de água.

Notícias relacionadas