Cidade

Entrega de moradias é marcada por protesto dos trabalhadores terceirizados

A entrega das 72 unidades habitacionais em Alagados VI, região conhecida como Baixa do Petróleo, no bairro de Massaranduba, que conta com a presença do governador Rui Costa (PT), foi marcada por protestos dos servidores terceirizados do estado. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Matheus Morais/Metropress

Por Bárbara Silveira no dia 03 de Agosto de 2015 ⋅ 08:48

A entrega das 72 unidades habitacionais em Alagados VI, região conhecida como Baixa do Petróleo, no bairro de Massaranduba, que conta com a presença do governador Rui Costa (PT), foi marcada por protestos dos servidores da limpeza e terceirizados do estado.

De acordo com a coordenadora do Sindicato dos Trabalhadores de Limpeza Urbana da Bahia (Sindilimp-BA), Ana Angélica Rabelo, os terceirizados reivindicam a atenção do governo. “A ideia aqui é sermos visto porque o governador, parece que não está acontecendo nada. Nesses sete meses de governo, a gente quer mais uma vez mostrar que esses trabalhadores terceirizados, em especial, da educação são mulheres em sua maioria mães de família que precisam levar o pão para casa e não está acontecendo. Tivemos aquela paralisação no CAB onde saiu que até sexta as empresas iam pagar e estamos aqui de novo provando que isso não aconteceu. Algumas empresas pagaram salário, mas e o benefício e a assistência médica?”, reclama.

Ainda segundo ela, a categoria não consegue manter um diálogo com o governador."Infelizmente não, nós tivemos com o secretário de administração na quarta, mas na verdade, eu já fico desacreditada em encontrar o governador. Nós trabalhamos por esse governo e quer que ele resolva os problemas”, afirma.

Notícias relacionadas

[Maratona de Salvador garante R$ 163 mil em premiações]
Cidade

Maratona de Salvador garante R$ 163 mil em premiações

Por Matheus Simoni no dia 23 de Setembro de 2018 ⋅ 15:00 em Cidade

Os maratonistas que ficaram em primeiro lugar na categoria geral masculina e feminina levam para casa R$ 22 mil. A prova aconteceu na manhã de hoje (23), em Salvador