Cidade

Conferência discute proposta para desenvolvimento da Baía de Todos-os-Santos

Na próxima quarta-feira (26), Salvador vai receber uma conferência do professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e membro do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do estado (CAU-BA), Paulo Ormindo, sobre o “Sistema rodo-ferro-portuário para o desenvolvimento da Baía de Todos-os-Santos”. [Leia mais...]

[Conferência discute proposta para desenvolvimento da Baía de Todos-os-Santos]
Foto : Reprodução/Secom-BA

Por Gabriel Nascimento no dia 25 de Abril de 2017 ⋅ 09:42

Na próxima quarta-feira (26), Salvador vai receber uma conferência do professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e membro do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do estado (CAU-BA), Paulo Ormindo, sobre o “Sistema rodo-ferro-portuário para o desenvolvimento da Baía de Todos-os-Santos”. O evento será realizado no auditório do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB) e começa a partir das 17h. A entrada é de graça.

Durante a conferência, Ormindo vai discutir a proposta de implantação de um sistema composto pela rodovia denominada de Envolvente da Baía de Todos-os-Santos, com Arco Ferroviário da BTS e o com o hub-port, do canal de Itaparica.

“A construção de uma estrada envolvendo a Baía de Todos os Santos, ligando Salvador ao Recôncavo, seria uma alternativa com muito mais possibilidades de desenvolvimento para o Estado. Um cinturão rodo-ferroviário em volta da baía teria a vantagem de integrar quatro portos (Salvador, Aratu e Temadre e São Roque) e criar uma bifurcação nas proximidades de Santo Amaro, articulando-se à ferrovia de Nazaré por um lado, e a Feira de Santana e Alagoinhas, por outro, beneficiando ainda uma série de regiões, como o estaleiro do Paraguaçu, onde estão a refinaria Landulpho Alves e o centro de Aratu”, disse em entrevista à Ufba.

Notícias relacionadas