Cidade

Motoristas habilitados podem ser dispensados de coleta de dados no recadastramento biométrico no TRE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou nesta segunda-feira (28) que os eleitores que ainda não realizaram o procedimento do recadastramento da biometria poderão ser dispensados da coleta de dados caso tenham Carteira de Habilitação Nacional (CHN) validada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Dentran).[Leia mais...]

[Motoristas habilitados podem ser dispensados de coleta de dados no recadastramento biométrico no TRE]
Foto : Divulgação/TRE

Por Paloma Morais no dia 28 de Agosto de 2017 ⋅ 15:47

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou nesta segunda-feira (28) que os eleitores que ainda não realizaram o procedimento do recadastramento da biometria poderão ser dispensados da coleta de dados caso tenham Carteira de Habilitação Nacional (CHN) validada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Dentran).

De acordo com o TSE, os dados digitais entre o Denatran e os tribunais regionais eleitorais (TREs) serão compartilhados, e, dessa forma, não tem necessidade de cadastrar novamente as informações. "Em princípio, feita a integração entre as bases do TSE e do Denatran, os eleitores que ainda não realizaram o cadastramento biométrico, ao chegarem ao cartório eleitoral, poderão ser dispensados da coleta biométrica, realizando apenas a atualização de seus dados biográficos e, talvez, uma validação de uma de suas digitais", explicou o TSE.

Com menos essa etapa, a expectativa é que o número de recadastramento aumente. O prazo para que o pareamento ocorra não foi informado. Segundo o TRE-Bahia, o número de baianos que já fizeram o procedimento é de 1.405.481, o que equivale a 46,85% da meta estabelecida pelo TSE para 2017.

Notícias relacionadas