Cidade

Funcionários de obra do metrô passam mal após ingerir comida: "Vômitos, diarreia"

Funcionários da construtora Ferreira Guedes, que presta serviço a CCR Metrô Bahia, passaram mal depois de ingerir a comida servida pela empresa, na última quarta-feira (30), na obra da estação Aeroporto. De acordo com informações dos trabalhadores, pelo menos 30 pessoas buscaram a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itinga e o Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas com náuseas, vômitos e diarréia. [Leia mais...]

[Funcionários de obra do metrô passam mal após ingerir comida:
Foto : Leitor/Metro1

Por Gabriel Nascimento no dia 31 de Agosto de 2017 ⋅ 09:02

Funcionários da construtora Ferreira Guedes, que presta serviço à CCR Metrô Bahia, passaram mal depois de ingerir a comida servida pela empresa, na última quarta-feira (30), na obra da estação Aeroporto. De acordo com informações dos trabalhadores, pelo menos 30 pessoas buscaram a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itinga e o Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas com náuseas, vômitos e diarreia.

Segundo o servente de pedreiro, Gustavo Silva, os primeiros casos foram registrados depois do almoço. "Desde ontem está todo mundo mal, vomitando, corpo formigando. Eu já vomitei, já tive diarreia. A empresa está toda aqui passando mal", relatou ao Metro1.

A fala é semelhante a do ajudante de pedreiro, Ricardo Santos, que também trabalha na obra. "A comida tava estragada ou colocaram alguma coisa na comida que foi servida. Tá todo mundo passando mal desde ontem. Eu comecei às 22h. Deu 23h, 0h, 1h e nada de melhorar. Deve ter sido comida estragada, não sei de onde vem essa comida", afirmou.

Leia também:

CCR diz ter solicitado análise de alimentos em obra e promete medidas administrativas

Notícias relacionadas