Cidade

Comandante da PM lamenta morte de jornalista: ʹSem razão dessa brutalidadeʹ

O comandante geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Anselmo Alves Brandão, foi entrevistado no Jornal da Cidade Segunda Edição, na Rádio Metrópole, nesta terça-feira (14), e comentou sobre a morte da jornalista Daniela Bispo que foi encontrada sem vida em um prédio localizado na avenida Tancredo Neves.[Leia mais...]

[Comandante da PM lamenta morte de jornalista: ʹSem razão dessa brutalidadeʹ]
Foto : Divulgação

Por Paloma Morais e Luiza Leão no dia 14 de Novembro de 2017 ⋅ 18:24

O comandante geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Anselmo Alves Brandão, foi entrevistado no Jornal da Cidade Segunda Edição, na Rádio Metrópole, nesta terça-feira (14), e comentou sobre a morte da jornalista Daniela Bispo que foi encontrada sem vida em um prédio localizado na avenida Tancredo Neves. Coronel Anselmo lamentou mais um caso de violência contra mulheres e destacou que o responsável pelo crime já está detido.

"É uma situação que nos entristece esse caso de violência doméstica. As outras informações que a gente tem é que o autor foi preso. É bom frisar que a violência está chegando mais perto das pessoas, percebe-se que ela estava trabalhando. Não tinha razão dessa brutalidade. Era em uma avenida movimentada, pelo que se sabe era uma pessoa esclarecida", disse.

Daniela foi encontrada na última segunda-feira (13) em uma escada que dá acesso ao 5º andar do Edifício Catabas Empresarial com um ferimento na cabeça produzido por arma branca.

Leia mais:

Polícia prende suspeito de matar jornalista em prédio na Tancredo Neves

Comentarios

Notícias relacionadas