Bahia

Justificativa da Embasa sobre falta de água em Boipeba 'não é plausível', diz prefeito de Cairu

Em entrevista à Rádio Metrópole, Fernando Brito falou sobre caso ocorrido no réveillon, quando ilha teve o abastecimento prejudicado

[Justificativa da Embasa sobre falta de água em Boipeba 'não é plausível', diz prefeito de Cairu]
Foto : Tácio Moreira / Metropress

Por Juliana Rodrigues no dia 11 de Janeiro de 2019 ⋅ 11:21

O prefeito da cidade de Cairu, Fernando Brito (PSD), falou, hoje (11), em entrevista à Rádio Metrópole, sobre os problemas ligados à falta de água na ilha de Boipeba durante o réveillon. Na ocasião, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) alegou que o fornecimento foi suspenso devido a um problema elétrico. Na opinião do chefe do Executivo do município do sul baiano, a justificativa da concessionária é insuficiente.

"A Embasa alega que a Coelba falhou porque teve queda de energia, e aí danificou uma das bombas de algum dos poços que tem lá em Boipeba. Ao meu ver, essa justificativa não é plausível. Por quê? Claro, se você depende de uma bomba para fazer aquele bombeamento, você deve ter uma reserva, porque se ela queimar, você substitui aquela bomba e o serviço fica normal. Isso não aconteceu e criou um transtorno muito grande", pontuou o prefeito, sem deixar de ressaltar, no entanto, que a ilha recebeu um grande número de visitantes durante o período, o que sobrecarregou o abastecimento.

Ainda segundo Brito, a prefeitura de Cairu tem realizado reuniões com representantes da Embasa, da Coelba e deputados baianos, a fim de viabilizar novos investimentos e o aumento da capacidade de abastecimento da região.

Notícias relacionadas

[Fabrício Queiroz movimentou R$ 7 milhões em três anos]
Cidade

Fabrício Queiroz movimentou R$ 7 milhões em três anos

Por Leo Sousa no dia 20 de Janeiro de 2019 ⋅ 10:00 em Cidade

Nos arquivos do Coaf consta que as movimentações financeiras de ex-motorista de Flávio Bolsonaro tiveram um volume maior do que o que foi divulgado em dezembro