Cidade

São João: Bahiatursa busca recursos privados após recomendação do MP

Apesar da recomendação do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) para suspender o edital de festejos juninos, a Empresa de Turismo da Bahia (Bahiatursa) decidiu prosseguir com a seleção que pagará R$ 10 milhões a projetos culturais.

[Imagem not found]
Foto : Tatiana Azeviche/ Setur

Por Juliana Almirante no dia 05 de Junho de 2015 ⋅ 13:01

Apesar da recomendação do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) para suspender o edital de festejos juninos, a Empresa de Turismo da Bahia (Bahiatursa) decidiu prosseguir com a seleção que pagará R$ 10 milhões a projetos culturais.

Em nota enviada à imprensa, a Bahiatursa informa que busca percerias com empresas privadas para realização das festas juninas. A empresa também negocia com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil. O resultado da busca por recursos deve ser divulgado até a próxima terça-feira (8). O apoio deve ser dividido em R$ 6 milhões, oriundos do governo do estado, e R$ 4 milhões, da iniciativa privada.

Notícias relacionadas