Cidade

Estudante universitário denuncia agressão de seguranças na rodoviária de Salvador

De acordo com concessionária que administra terminal, a Sinart, os envolvidos foram afastados

[Estudante universitário denuncia agressão de seguranças na rodoviária de Salvador]
Foto : Reprodução/Facebook

Por Juliana Almirante no dia 18 de Julho de 2019 ⋅ 10:45

O estudante da Universidade Federal da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) Vinícius Vieira usou as redes sociais para denunciar ter sido agredido por seguranças da Rodoviária de Salvador na noite de ontem (17).

Ele publicou vídeos em que afirma que estava no terminal aguardando o embarque para viajar.

Vinícius relatou ainda que os fiscais da rodoviária de Salvador alegaram a policiais militares que o agrediram porque desconfiaram de que ele poderia ser um infrator.

"Um dos fiscais com o sobrenome Santos me puxou violentamente da cadeira que eu pacificamente estava sentado aguardando meu ônibus. Liguei para a Polícia Militar que se negaram a condução dos envolvidos para a delegacia sob a alegação que não havia plantão na delegacia e que o fato não seria flagrante delito. Com os braços machucados, seguirei para fazer o exame de corpo e delito ainda aqui em Salvador", narrou o estudante, nas redes sociais.

Em nota, a Agerba repudiou os atos de violência. "O Departamento de Qualidade dos Serviços está apurando a situação ocorrida no Terminal Rodoviário de Salvador, na madrugada desta quinta-feira (18), e já determinou o afastamento e punição cabível aos funcionários envolvidos", diz a nota da agência reguladora. 

A concessionária que administra a rodoviária, Sinart, também se manifestou sobre o caso e confirmou o afastamento dos envolvidos. 

"A empresa preza pela humanização do atendimento e respeito à todos usuários, não compactua e repudia quaisquer atitudes de violência e/ou preconceito, seja verbal ou físico. Lamentamos profundamente o ocorrido, e informamos que todos os nossos colaboradores encontram-se afastado enquanto são apurados os detalhes da ocorrência", diz o comunicado.

Notícias relacionadas