Cidade

Trânsito na orla de Salvador será alterado para realização de maratona

O tráfego sofrerá as mudanças neste domingo (15), no trecho entre o Farol da Barra e o Largo da Mariquita

[Trânsito na orla de Salvador será alterado para realização de maratona]
Foto : Divulgação/Secom

Por Kamille Martinho no dia 11 de Setembro de 2019 ⋅ 17:00

Em decorrência da Maratona Salvador, que acontecerá este domingo (15), o trânsito no Farol da Barra sofrerá alterações. De acordo com a Transalvador, o tráfego será interditado no trecho entre o Farol e o Largo da Mariquita, a partir das 3h para preparação do percurso.

Os veículos serão desviados para as avenidas Centenário, Garibaldi e Adhemar de Barros, interditando totalmente a orla. Entre o Rio Vermelho e a Pituba, o tráfego será compartilhado até a Praça Nossa Senhora da Luz, onde será desviado para a Rua Pernambuco.

Com o objetivo de facilitar o acesso dos moradores, trechos do percurso (em Ondina, entre a Rua Morro do Escravo Miguel e Avenida Adhemar de Barros, no Condomínio Aeronáutica, e no Rio Vermelho, entre a Travessa Bartolomeu de Gusmão e a Rua da Paciência) serão compartilhadas com grades de separação na pista, possilitando a passagem dos veículos ao lado dos atletas.

A Secretaria de Mobilidade (Semob) irá antecipar em uma hora a operação de quatro linhas de ônibus. Os ônibus começarão a circular às 4h de domingo. As linhas antecipadas serão Estação Pirajá-Barra 1, Estação Mussurunga-Barra 1, Lapa-Barra Avenida/Barra e Paripe-Barra.

Estacionamento
Os atletas e o público terão espaço reservado na Barra para estacionarem os veículos na Av. Almirante Marques de Leão e no lado esquerdo da Rua Marquês de Caravelas, assim como nas transversais da rua Afonso Celso. O shopping Barra também disponibilizará vagas para os competidores. O estacionamento será proibido em todo o percurso da prova e também na extensão da Rua do Meio, no Rio Vermelho.

Ordenamento
A Secretaria de Ordem Pública (Semop) disponibilizará várias equipes de fiscais, realizando o ordenamento do espaço público, durante todo o percurso do evento. A Semop irá intensificar a fiscalização do comércio informal, principalmente, no trecho entre a Barra e o Rio Vermelho.

Salva-vidas
Também vinculada Semop, a Coordenadoria de Salvamento Marítimo (Salvamar) vai montar uma operação especial ao longo da orla. Duplas de salva-vidas estarão distribuídas por mirante, no trecho que compreende entre o Jardim de Alá e Ipitanga. Além dos equipamentos para salvamento disponível em cada unidade, a Salvamar contará ainda com um quadricículo, responsável por realizar rondas nas praias e atender as as demandas recebidas.

Saúde
Os atletas contarão com seis ambulâncias para dar suporte a qualquer problema de saúde. Além disso, ao longo do percurso, serão 16 pontos de hidratação, e quatro postos médicos, com 30 profissionais da área de saúde.

Cada atleta irá receber, após a prova, o kit lanche composto por frutas, isotônico e barras de cereal. Além do esquema especial de saúde no trajeto da maratona, as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Barris, Alfredo Bureau e Hélio Machado, além do Hospital Municipal de Salvador (HMS), estarão de prontidão para atender possíveis situações de emergência.

Notícias relacionadas