Cidade

Nenhuma indústria bélica vai investir no Brasil sem redução de impostos, diz presidente da Taurus

Eduardo defendeu a entrada de fabricantes estrangeiros de armamentos no país, dizendo que o monopólio virtual da Taurus no mercado faz com que as armas tenham preços altos no Brasil, o que restringe o acesso da população a armas

[Nenhuma indústria bélica vai investir no Brasil sem redução de impostos, diz presidente da Taurus]
Foto : Reprodução

Por João Brandão no dia 26 de Janeiro de 2020 ⋅ 15:30

Com a atual tributação sobre a indústria bélica, nenhuma empresa estrangeira vai querer fabricar no Brasil, de acordo com Salésio Nuhs, presidente da Taurus, maior fabricantes de armas de pequeno porte no Brasil, em resposta à proposta do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Na manhã deste domingo (26), Eduardo defendeu a entrada de fabricantes estrangeiros de armamentos no país, dizendo que o monopólio virtual da Taurus no mercado faz com que as armas tenham preços altos no Brasil, o que restringe o acesso da população a armas.

“Eu não quero falir a Taurus, quero apenas que haja concorrência para aumentar a qualidade e baixar o preço”, disse Eduardo, que afirmou ter conversado com a suíça SigSauer e a italiana Beretta sobre investimentos no Brasil.

Para Nuhs, ninguém vai ser “maluco” de investir no Brasil se for mantida a atual carga tributária sobre os armamentos, de quase 70%. “O problema no Brasil não é o preço, é o imposto; nenhuma empresa estrangeira irá investir se não mudarem a tributação”, disse  ao jornal Folha de S. Paulo o presidente da Taurus.

Notícias relacionadas

[Nova orla de Ondina será inaugurada nesta terça]
Cidade

Nova orla de Ondina será inaugurada nesta terça

Por Kamille Martinho no dia 17 de Fevereiro de 2020 ⋅ 15:00 em Cidade

As intervenções envolveram colocação de novo asfalto e passeio em concreto, ciclovia, meio-fio em granito, iluminação em LED , drenagem e requalificação da Praça das Gord...