Cidade

Apesar da crise, intenção de compra no Dia dos Namorados cresce 5%

Apesar do cenário hesitante da economia, o amor está no ar no Dia dos Namorados para o comércio. Pesquisa nacional da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) e Instituto Ipsos mostra que a intenção de gasto médio com presentes e comemorações no Dia dos Namorados, subiu 5% em relação ao ano passado. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Agência Brasil

Por Juliana Almirante no dia 12 de Junho de 2015 ⋅ 07:58

Apesar do cenário hesitante da economia, o amor está no ar no Dia dos Namorados para o comércio. Pesquisa nacional da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) e Instituto Ipsos feita com 1,2 mil consumidores, em 72 municípios brasileiros, mostra que a intenção de gasto médio com presentes e comemorações no Dia dos Namorados, nesta sexta-feira (12) subiu 5% em relação ao ano passado. O valor médio gasto é avaliado em R$ 155,69. A estimativa é que a data movimente em torno de R$ 7,7 bilhões no comércio brasileiro.

Já a intenção de compras se revelou estável, em torno de 34%. O levantamento divulgado nesta quinta-feira (11), foi feito entre os dias 15 e 28 de maio. A pesquisa revela que roupas lideram a preferência dos consumidores, com alta de seis pontos percentuais em relação a 2014. Neste ano, há maior adesão dos namorados a programas como ir ao teatro ou ao cinema, jantar fora ou mesmo viajar. Essas alternativas representavam 5% das opções no ano passado e agora superam 16%. Um em cada três brasileiros pretende presentear ou fazer alguma comemoração nesta sexta (12).

Notícias relacionadas