Cultura

Eduardo Sterblitch comenta nova fase do humor: 'Não pode ter piada burra'

"A gente tem que reaprender a falar. Tem gente que se sente mal quando ouve 'denegrir'. Por que 'clarear' é positivo e 'denegrir' é negativo? Porque quem escreveu o dicionário foi um monte de homem branco"

[Eduardo Sterblitch comenta nova fase do humor: 'Não pode ter piada burra']
Foto : Metropress

Por Matheus Simoni no dia 04 de Maio de 2018 ⋅ 15:58

O ator Eduardo Sterblitch comentou a nova fase do humor brasileiro durante entrevista ao programa Roda Baiana da Rádio Metrópole, na tarde de hoje (4). O humorista destacou a necessidade dos colegas de categoria se adaptarem ao novo momento do cotidiano.

"O que eu percebo é que pode ter piada polêmica e piada pesada. Não pode ter é piada burra. Eu, muitas vezes, fui burro. Burro é não ser sensível e inteligente o suficiente de entender como aquilo pode comunicar. Não é só o jeito que você entende, principalmente no humor non-sense", disse. 

"A gente tem que reaprender a falar. Tem gente que se sente mal quando ouve 'denegrir'. Por que 'clarear' é positivo e 'denegrir' é negativo? Porque quem escreveu o dicionário foi um monte de homem branco, mermão. Quem discute o aborto é um monte de homem branco. Tem um monte de questão que está sendo discutida. O humorista tem que ser inteligente e tentar reestruturar, ser melhor. Não tem mais graça", completou Edu. 

O humorista falou da saída do programa Pânico, da Band, e da ida para a Rede Globo. Sterblitch esclareceu que a mudança foi para buscar um novo desafio para a carreira. "Eu tive um aprendizado bom. Todo mundo acha que eu saí da Band para ir para Globo para ganhar mais. Na verdade, eu nem sou contratado da Globo, eu nem tenho contrato. Sou contratado por obra. Meu maior aprendizado foi isso. Ser um artista assalariado é bom financeiramente, mas artisticamente pode ser um perigo. Eu saí do programa para me arriscar em outros lugares. Eu gosto de começar do zero, isso me estimula", disse o artista. 

Eduardo Sterblitch apresenta o espetáculo 'O Rei do Mundo - Uma Comédia Sobrenatural', no Teatro Sesc Casa do Comércio. A peça está em cartaz hoje, amanhã (5) e domingo (6), e com promoção especial para os ouvintes da Metrópole. Clique aqui e entenda

SERVIÇO
O quê: O rei do mundo - uma comédia sobrenatural
Data: 04 a 06 de maio
Local: Teatro Sesc Casa do Comércio
Horário: Sexta e Sábado, 21h  – Domingo, 19h 

VALORES – 1º LOTE
R$ 56,00 inteira / R$ 28,00 meia (sexta)
R$ 86,00 inteira / R$ 43,00 meia (sábado e domingo)

VENDAS
Bilheteria do Teatro: (71) 3273.8543 (Terça a Domingo das 13h às 20h)
Pela internet: compreingressos.com/catalogodeteatro (sem cobrança da taxa de conveniência)
Por telefone: (71) 2626.0032

Notícias relacionadas