Cultura

RPM anuncia morte de baterista, depois corrige: 'Está internado em estado grave'

Paulo Antônio Figueiredo Pagni, o P.A., tem 61 anos de idade e sofre de fibrose pulmonar

[RPM anuncia morte de baterista, depois corrige: 'Está internado em estado grave']
Foto : Divulgação

Por Metro1 no dia 03 de Junho de 2019 ⋅ 11:30

Após divulgar a morte do baterista Paulo Antônio Figueiredo Pagni, o P.A., a banda RPM corrigiu e informou neste domingo (2) que ele na verdade não morreu. O músico, porém, está internado em estado grave em um hospital na cidade de Salto, no interior de São Paulo.

“Estou em Salto, no hospital de São Camilo, onde P.A está internado em estado grave. O que aconteceu é que de manhã o pessoal da clínica me ligou falando que ele tinha falecido. Fiquei muito triste e devastado”, disse Fernando de Luque, em vídeo publicado no Facebook.

E continua: “Imediatamente eu e minha mulher fomos tomar as providências, passamos na casa dele para pegar documentação e roupas. Quando a gente chegou no hospital, agora à tarde, a gente teve a notícia de que o P.A estava vivo. Para o nosso alívio”.

Nesse meio tempo, a banda disparou uma mensagem no Facebook lamentando a morte de seu integrante. “Nosso irmão partiu poucos momentos atrás, mas seu legado será eternamente lembrado”, dizia o texto. 

Notícias relacionadas

[MK entrevista Laurentino Gomes às 11h]
Cultura

MK entrevista Laurentino Gomes às 11h

Por Metro1 no dia 21 de Outubro de 2019 ⋅ 08:57 em Cultura

A entrevista pode ser ouvida através das ondas do rádio, na 101.3, ou ainda pelo aplicativo da Metrópole e também pelo youtube.com/portalmetro1