Economia

Venda de carros novos cai 26,6% em 2015, apontam fabricantes

A venda de veículos teve queda de 26,6% em 2015, com a comercialização de 2,57 milhões de unidades. De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (7), em São Paulo, pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), 227,8 mil unidades foram negociadas, um valor referente a 16,7% a mais do que em novembro que foi de 195,2 mil. A queda foi de 38,4% na comparação com o mês de dezembro do ano anterior, quando foram comercializados 370,0 mil veículos. [Leia mais...]

[Venda de carros novos cai 26,6% em 2015, apontam fabricantes]
Foto : Tomohiro Ohsumi/Bloomberg

Por Jessica Galvão no dia 07 de Janeiro de 2016 ⋅ 14:55

A venda de veículos teve queda de 26,6% em 2015, com a comercialização de 2,57 milhões de unidades. De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (7), em São Paulo, pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), 227,8 mil unidades foram negociadas, um valor referente a 16,7% a mais do que em novembro que foi de 195,2 mil. A queda foi de 38,4% na comparação com o mês de dezembro do ano anterior, quando foram comercializados 370,0 mil veículos. 

“As vendas em 2015 se equiparam às de 2007, ou seja, tivemos um recuo de oito anos na comercialização. Chama a atenção para a queda no segmento de caminhões, de quase 48%, e ônibus, com quase 39%. Esse ano não foi positivo, porque as questões políticas influenciaram em demasia a confiança do consumidor e contaminaram a economia de maneira forte”, afirmou o presidente da Anfavea, Luiz Moan.

No ano passado, a produção teve um declínio de 22,8% (2,43 milhões) na comparação com o ano de 2014, quando foi alcançado 3,15 milhões em produção. Em dezembro de 2015 foram produzidas 142,9 mil unidades, contra 204,0 mil de dezembro de 2014, o que representou uma queda de 30,0%. Ante o mês de novembro, quando a produção foi de 175,1 mil unidades, houve queda de 18,4%.

A intenção da Anfavea  é que em 2016, a produção fique estável, com crescimento de 0,5%, as vendas internas caiam 7,5% e as exportações em unidade de autoveículos cresçam 8,1% (veículos leves, 7,7% e pesados 12,4%).

Comentarios

Notícias relacionadas

[Atividade econômica cresce 0,46% em abril]
Economia

Atividade econômica cresce 0,46% em abril

Por Metro1 no dia 15 de Junho de 2018 ⋅ 12:40 em Economia

O índice incorpora informações sobre o nível de atividade dos três setores da economia: indústria, comércio e serviços e agropecuária, além do volume de impostos

[PIB do país pode patinar em 1,3%, diz jornal]
Economia

PIB do país pode patinar em 1,3%, diz jornal

Por Metro1 no dia 11 de Junho de 2018 ⋅ 13:40 em Economia

Segundo o Estadão, a tendência será confirmada caso a trajetória atual das contas do governo permanecer inalterada e nenhuma nova reforma fiscal for aprovada