Economia

Três a cada dez consumidores pretendem comprar menos neste Natal

O brasileiro deverá gastar menos nas compras de final de ano em 2016. Segundo pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CDL) em todas as capitais, o gasto médio com presentes de Natal deve cair 5,3% em relação ao ano passado. Na Bahia a expectativa da CDL é que haja uma melhora nas vendas no último trimestre de 2016 [ Leia mais…]

[Imagem not found]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Lorena Dias no dia 08 de Novembro de 2016 ⋅ 14:58

O brasileiro deverá gastar menos nas compras de final de ano em 2016. Segundo pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CDL) em todas as capitais, o gasto médio com presentes de Natal deve cair 5,3% em relação ao ano passado. Na Bahia a expectativa da CDL é que haja uma melhora  nas vendas no último trimestre de 2016 - que corresponde aos meses de outubro, novembro e dezembro - comparado a 2015. A CDL Salvador informa também que está fazendo um levantamento de expectativa de venda para este período. 

Ainda segundo a pesquisa, três em cada dez consumidores (28,7%) pretendem ser mais contidos neste ano. Em 2015, os que declararam a intenção de comprar menos presentes somaram 22,8%.  Apenas 18,8% disseram que pretendem aumentar os gastos com compras de final de ano.

O levantamento aponta ainda que, em média, o consumidor brasileiro pretende desembolsar R$ 109,81 com cada presente. Também houve redução no número de brasileiros que pretendem presentear alguém neste Natal. Cerca de 107,6 milhões de consumidores afirmam que irão comprar presentes neste ano, enquanto no ano passado 109,3 milhões de pessoas realizaram pelo menos uma compra.

Os consumidores da classe C e as mulheres estão entre os segmentos onde o gasto deverá ser menor. A estimativa de gasto médio dos dois segmentos deve ser, respectivamente, de R$ 101,42 e R$ 84,65.

Notícias relacionadas

[Brasil e Paraguai terão livre comércio de automóveis]
Economia

Brasil e Paraguai terão livre comércio de automóveis

Por Danielle Campos no dia 07 de Dezembro de 2019 ⋅ 14:00 em Economia

O Paraguai se comprometeu a isentar os produtos automotivos originários do Brasil da cobrança de taxas consulares, a partir do oitavo ano da entrada em vigor do futuro ac...