Economia

Acumulou! Mega-Sena pode pagar R$ 13,4 milhões em sorteio na próxima quarta

O sorteio do concurso 1.968 da Mega-Sena, realizado na noite do último sábado (16), no município de Ituiutaba, em Minas Gerais, não teve ganhadores. As dezenas sorteadas foram: 35 - 36 - 39 - 44 - 48 - 52. O prêmio acumulou em R$ 13,4 milhões. Um novo sorteio será realizado na próxima quarta-feira (20). [Leia mais...]

[Acumulou! Mega-Sena pode pagar R$ 13,4 milhões em sorteio na próxima quarta]
Foto : Reprodução/Agência Brasil

Por Gabriel Nascimento no dia 17 de Setembro de 2017 ⋅ 12:06

O sorteio do concurso 1.968 da Mega-Sena, realizado na noite do último sábado (16), no município de Ituiutaba, em Minas Gerais, não teve ganhadores. As dezenas sorteadas foram: 35 - 36 - 39 - 44 - 48 - 52. O prêmio acumulou em R$ 13,4 milhões. Um novo sorteio será realizado na próxima quarta-feira (20).

Segundo a Caixa Econômica Federal, foram 48 ganhadores na Quina. Cada um vai levar R$ 46.060,89. Já na Quadra, 3.782 apostadores vão levar R$ 835,12, cada. A Caixa ressaltou ainda que, a probabilidade de ganhar varia com o número de dezenas jogadas e o tipo de aposta realizada.

Com uma aposta mínima de R$ 3,50, por exemplo, a probabilidade de levar o prêmio é de 1 em 50.063.860. Já para uma aposta com 15 dezenas, que é o máximo permitido, com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de ficar milionário é de 1 em 10.003. Os jogos podem ser feitos em qualquer lotérica do país até às 19h do dia do sorteio.

Notícias relacionadas

[Novos aluguéis subiram abaixo da inflação em 2018, aponta Fipe]
Economia

Novos aluguéis subiram abaixo da inflação em 2018, aponta Fipe

Por Clara Rellstab no dia 16 de Janeiro de 2019 ⋅ 10:40 em Economia

Em 2018, o Índice de Locação Residencial acumulou alta de 2,33% – abaixo da inflação do período, de 3,75%, de acordo com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo, calculado...

[Inadimplência no país cresce 4,41% em 2018]
Economia

Inadimplência no país cresce 4,41% em 2018

Por Juliana Rodrigues no dia 15 de Janeiro de 2019 ⋅ 22:00 em Economia

Cerca de 62,6 milhões de brasileiros fecharam o ano com alguma conta em atraso e restrições no CPF, segundo dados da CNDL e do SPC