Economia

Leilão de petróleo da ANP arrecada R$ 8,9 bilhões

Apesar do bom resultado, somente 12 dos blocos ofertados foram arrematados

[Leilão de petróleo da ANP arrecada R$ 8,9 bilhões ]
Foto : Marcelo Camargo/ Agência Brasil

Por Juliana Almirante no dia 10 de Outubro de 2019 ⋅ 13:00

Leilão da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) realizado hoje (10) arrecadou R$ 8,915 bilhões em bônus de assinatura de 36 blocos exploratórios de petróleo e gás. O valor é um novo recorde nas recentes rodadas de concessões.

Apesar do bom resultado, somente 12 dos blocos ofertados foram arrematados. Entre os 24 que não foram arrematados, estão tres blocos em Jacuípe e outros quatro em Camamu-Almada, na Bahia, cuja oferta foi questionada pelo Ministério Público Federal da Bahia (MPF-BA). 

O investimento mínimo previsto para cada um dos blocos é de R$ 1,579 bilhão.

Segundo a ANP, o ágio total do leilão ficou em 390,06%. Se todos os 36 blocos tivessem sido arrematados pelo valor mínimo, a arrecadação de bônus teria ficado em R$ 3,216 bilhões.

Notícias relacionadas