Esportes

Sem renovar contrato, Omar deixa o Bahia; goleiro envia carta para torcida

O goleiro Omar não vestirá mais a camisa do Bahia. O vínculo do atleta com o clube se encerrou nesta quinta-feira (31), no último dia do ano. Sem ser procurado para a renovação, o jogador deixou o clube e agradeceu o carinho dos torcedores por meio de uma carta. [Leia mais...]

[Sem renovar contrato, Omar deixa o Bahia; goleiro envia carta para torcida]
Foto : Divulgação/ECB/Felipe Oliveira

Por Matheus Simoni no dia 31 de Dezembro de 2015 ⋅ 20:01

O goleiro Omar não vestirá mais a camisa do Bahia. O vínculo do atleta com o clube se encerrou nesta quinta-feira (31), no último dia do ano. Sem ser procurado para a renovação, o jogador deixou o clube e agradeceu o carinho dos torcedores por meio de uma carta.

"Agradeço à Nação Tricolor por me deixar ser um membro desses milhares de apaixonados. Saibam que é um orgulho imenso ser formado em um clube que tem como slogan a frase ‘Nascido para Vencer’. É um privilégio de poucos, sou muito grato também por isso", disse o atleta.

Omar chegou ao Bahia em fevereiro de 2009, com 19 anos, e atuou 79 vezes com a camisa do Bahia. O goleiro ainda não definiu onde irá jogar na próxima temporada. Confira a carta na íntegra:
 

“Hoje se encerra mais um ano e um período muito bom da minha vida. Só tenho a agradecer a Deus pela oportunidade de, em 2009, abrir as portas do Esporte Clube Bahia para mim. Se fosse agradecer a todos por aqui, correria o risco de deixar de falar de alguém, mas, preciso agradecer desde os porteiros, que sempre nos recebem com muita alegria, ao presidente do clube. A todos, mando o meu muito obrigado, pois sempre me senti realmente em casa.

Nem todos sabem, mas cheguei no Bahia por indicação do Sr. Newton Mota e do Prof. Ricardo Palmeira. Eles foram os principais responsáveis e me deram a oportunidade de sonhar em vestir a camisa Tricolor como jogador profissional. Grandes profissionais! Grato pelo respeito e carinho!

Foi em uma preliminar de Vasco e Bahia, também em 2009, que eu ouvi um som que me arrepia até hoje: Pampamrampam pampampampam... e a torcida, na sequência, puxou o coro do hino...

Agradeço à Nação Tricolor também por me deixarem ser um membro desses milhares de apaixonados. Saibam que é um orgulho imenso ser formado em um clube que tem como slogan a frase "Nascido para Vencer". É um privilégio de poucos, sou muito grato também por isso.

Hoje, se encerra meu contrato, mas não o amor e o carinho pela instituição e pelos trabalhadores que fazem o Bahia ser imenso e crescer a cada dia, especialmente agora, com uma gestão exemplar, que valoriza o profissional em todos os setores do clube. Como bom Tricolor, tenho muita Fé que em 2016 essa crescente do clube permanecerá!

Em breve, se Deus quiser, anunciarei o time em que iniciarei uma nova trajetória.

Novamente, obrigado a todos e Feliz Ano Novo! Valeu, Bahêa!”.

Notícias relacionadas

[Bahia perde por 1 a 0 para o Atlético-MG fora de casa]
EsportesCAMPEONATO BRASILEIRO

Bahia perde por 1 a 0 para o Atlético-MG fora de casa

Por Matheus Simoni no dia 17 de Novembro de 2018 ⋅ 21:52 em Esportes

O resultado fez o tricolor ficar parado na 10ª posição, com 44 pontos e dentro da zona de classificação para a próxima edição da Copa Sul-Americana

[Risco de rebaixamento do Vitória chega a 70%]
EsportesCAMPEONATO BRASILEIRO 2018

Risco de rebaixamento do Vitória chega a 70%

Por Matheus Simoni no dia 16 de Novembro de 2018 ⋅ 17:40 em Esportes

Com 44 pontos, o Bahia, segundo o matemático, não corre mais chances de ser rebaixado

[Criador da camisa da seleção brasileira morre aos 83 anos]
Esportes

Criador da camisa da seleção brasileira morre aos 83 anos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Novembro de 2018 ⋅ 09:20 em Esportes

Schlee, que fazia caricaturas de jogos de futebol para jornais de Pelotas, venceu o prêmio após testar mais de cem esboços e chegar ao modelo conhecido internacionalmente