Esportes

"Chute no traseiro": ex-secretário Jerome Valcke é demitido da Fifa

Durante a Copa do Mundo de 2014, o ex-secretário-geral da Fifa Jerome Valcke afirmou que o Brasil merecia “um chute no traseiro” por não cumprir alguns prazos estipulados pela entidade. No entanto, desta vez quem “levou um chute no traseiro” foi Valcke. Em meio ao escândalo de corrupção na Fifa, o ex-secretário foi demitido.

[
Foto : Reprodução / Veja - Bruno Turano

Por Pedro Sento Sé no dia 13 de Janeiro de 2016 ⋅ 07:26

Durante a Copa do Mundo de 2014, o ex-secretário-geral da Fifa Jerome Valcke afirmou que o Brasil merecia “um chute no traseiro” por não cumprir alguns prazos estipulados pela entidade. No entanto, desta vez quem “levou um chute no traseiro” foi Valcke. Em meio ao escândalo de corrupção na Fifa, o ex-secretário foi demitido.

Nesta quarta-feira o Comitê de Emergência da Fifa anunciou a demissão do ex-secretário, cujo efeito é imeditato. Ele já estava suspenso de suas atividades desde setembro do ano passado.

Valcke ainda poderá ser banido de qualquer atividade esportiva por nove anos devido a violação de diversos códigos da Fifa, além de ter aceitado presentes e outros benefícios.

Notícias relacionadas

[Vitória anuncia dispensa e afastamento de atletas]
Esportes

Vitória anuncia dispensa e afastamento de atletas

Por Matheus Simoni no dia 12 de Abril de 2019 ⋅ 13:40 em Esportes

Jogadores treinarão à parte, a partir da próxima segunda-feira (15), num grupo especial, em horário oposto ao elenco principal