Esportes

Mancini lamenta apagão do Vitória após gol sofrido diante do Conquista

O Vitória deixou escapar três pontos diante do Vitória da Conquista nesta quarta-feira (10), no estádio Mário Pessoa, em Ilhéus. Após abrir o placar com Marinho, o Leão deixou o Bode empatar com Tatu, que desperdiçou chance de virar o jogo. O resultado em 1 a 1 ficou até de bom tamanho para o time da capital, que tomou sufoco até o final do jogo.[Leia mais...]

[Mancini lamenta apagão do Vitória após gol sofrido diante do Conquista]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni no dia 10 de Fevereiro de 2016 ⋅ 23:07

O Vitória deixou escapar três pontos diante do Vitória da Conquista nesta quarta-feira (10), no estádio Mário Pessoa, em Ilhéus. Após abrir o placar com Marinho, o Leão deixou o Bode empatar com Tatu, que desperdiçou chance de virar o jogo. O resultado em 1 a 1 ficou até de bom tamanho para o time da capital, que tomou sufoco até o final do jogo.

Após a partida, o técnico Vágner Mancini lamentou o empate com o adversário e falou em um "apagão" sofrido pelos seus comandados. "Errou no meio do segundo tempo quando, de repente, deu cinco minutos de apagão. A gente sofreu um pênalti, que, pelo que me disseram no vestiário, não houve. Saímos no contra-ataque com seis ou sete jogadores, e aí houve a perda da bola. A partir deste lance, saiu o gol de empate do Conquista, onde a equipe acabou oscilando em mais alguns lances, o que gerou uma certa instabilidade", disse o técnico, em entrevista à Metrópole.

Mancini afirmou que espera que o empate sirva como aprendizado para os próximos jogos do Vitória na temporada. "É um início de ano, vamos passar por isso muitas vezes. Que tenhamos passado neste jogo, que a gente tenha aprendido com isso daí e que a sequência de jogos seja melhor", afirmou.

Notícias relacionadas

[Gilson Kleina nega contato com o Vitória]
Esportes

Gilson Kleina nega contato com o Vitória

Por Matheus Simoni no dia 13 de Agosto de 2018 ⋅ 20:52 em Esportes

Em contato rápido com o Metro1, ele afirmou que não chegou a ser procurado por ninguém da diretoria