Esportes

Justiça Federal ordena bloqueio de jatinho, iate e residências de Neymar

A Justiça Federal brasileira ordenou, através de vários ofícios emitidos nesta segunda-feira (15) o bloqueio de bens do jogador Neymar, suspeito de ter deixado de pagar ao fisco R$ 63,6 milhões devidos de impostos entre os anos de 2011 e 2013 [Leia mais...]

[Justiça Federal ordena bloqueio de jatinho, iate e residências de Neymar]
Foto : Reprodução/Arquivo Pessoal

Por Bárbara Silveira no dia 15 de Fevereiro de 2016 ⋅ 14:05

A Justiça Federal brasileira ordenou, através de vários ofícios emitidos nesta segunda-feira (15) o bloqueio de bens do jogador Neymar, suspeito de ter deixado de pagar ao fisco R$ 63,6 milhões devidos de impostos entre os anos de 2011 e 2013.

Dentre as propriedades estão imóveis nas cidades de Guarujá, Santos, Praia Grande, São Vicente, São Paulo e Itapema além do iate e do jatinho do jogador. Na última semana, a Justiça Federal determinou o bloqueio de R$ 192 milhões em bens do jogador, seus familiares e das empresas ligadas a ele.

De acordo com a acusação, também é apontada a omissão de rendimentos de fontes do exterior com publicidade e "omissão de rendimentos oriundos de vínculo empregatício pagos pelo Barcelona".  Através dos seus advogados, o atleta nega qualquer irregularidade. Segundo ele, a situação não passou de um um planejamento tributário que teria sido feito dentro da lei.

Comentarios

Notícias relacionadas