Esportes

Eleição para presidente da Fifa pode ser adiada a pedido de candidato

O príncipe da Jordânia Ali Bin Al-Hussein, solicitou o adiamento da eleição alegando “falta de transparência”. Ele pediu a entidade o uso de cabines transparentes de votação para evitar que houvesse qualquer tipo de registro dos votos antes deles serem computados nas urnas. Isso é por conta de boatos que alguns eleitores estão sendo pressionados para registrar os votos.

[Eleição para presidente da Fifa pode ser adiada a pedido de candidato]
Foto : Reprodução / Daily Mail

Por Pedro Sento Sé no dia 23 de Fevereiro de 2016 ⋅ 10:23

As eleições presidenciais na Fifa acontecem nesta sexta-feira (26). Porém, um dos candidatos ao cargo, o príncipe da Jordânia Ali Bin Al-Hussein, solicitou o adiamento da eleição alegando “falta de transparência”.

O príncipe pediu a entidade o uso de cabines transparentes de votação para evitar que houvesse qualquer tipo de registro dos votos antes deles serem computados nas urnas. Isso é por conta de boatos que alguns eleitores estão sendo pressionados para registrar os votos. Ali também deseja que os eleitores não possam entrar nas cabines portando celulares ou câmeras fotográficas afim de coibir qualquer ação nesse sentido. 

Pode ser que Fifa abra um procedimento emergencial para votar o pleito do candidato antes das eleições desta sexta-feira, mas ainda não há uma resposta oficial da entidade.

Os favoritos ao cargo são Gianni Infantino, ex-secretário-geral da Uefa, e o xeque Salman Ibrahim Al-Kalifa, do Bahrein. Ali vem sendo considerada a terceira força das eleições. 

 

 

Notícias relacionadas