Esportes

Neymar é condenado a pagar R$ 189 milhões à Receita Federal

Segundo a Receita, o jogador teria utilizado três empresas que tem em sociedade com o pai - aNeymar Sport e Marketing, a N&N Consultoria e N&N Administração de Bens - para evitar pagar R$ 63,6 milhões entre os anos de 2012 e 2014. [Leia mais...]

[Neymar é condenado a pagar R$ 189 milhões à Receita Federal]
Foto : Reprodução / UOL

Por Pedro Sento Sé no dia 18 de Março de 2016 ⋅ 09:32

Considerado culpado por sonegação de imposto de renda, fraude e conluio pela Receita Federal, o atacante Neymar terá que pagar R$ 189 milhões em impostos atrasados, juros e multas. A decisão, publicada nesta sexta-feira pelo jornal Folha de S. Paulo, ainda cabe recurso através do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) em Brasília.

Segundo a Receita, o jogador teria utilizado três empresas que tem em sociedade com o pai - a  Neymar Sport e Marketing, a N&N Consultoria e N&N Administração de Bens - para evitar pagar R$ 63,6 milhões entre os anos de 2012 e 2014. Além de devolver essa quantia, Neymar terá que pagar um total de R$ 125,2 milhões só em multas.

Além da multa a ser paga a Receita, Neymar está sendo investigado pela Justiça espanhola em um processo que investiga corrupção, fraude e simulação de contratos quando ele se transferiu do Santos para o Barcelona em 2013.

Notícias relacionadas