Esportes

Comitê Rio 2016 entra com recurso após Justiça liberar protestos na Olimpíada

O Comitê Rio 2016 ingressou com um recurso nesta terça-feira (9) contra a liminar que permite protestos nas arenas dos Jogos Olímpicos. A Justiça Federal no Rio de Janeiro havia determinado que a União, o Estado do Rio de Janeiro e o Comitê Rio 2016 deixassem "de reprimir manifestações pacíficas de cunho político em locais oficiais durante a realização dos Jogos Olímpicos de 2016", em liminar na última segunda-feira (8). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/AFP Photo

Por Matheus Simoni no dia 09 de Agosto de 2016 ⋅ 15:44

O Comitê Rio 2016 ingressou com um recurso nesta terça-feira (9) contra a liminar que permite protestos nas arenas dos Jogos Olímpicos. A Justiça Federal no Rio de Janeiro havia determinado que a União, o Estado do Rio de Janeiro e o Comitê Rio 2016 deixassem "de reprimir manifestações pacíficas de cunho político em locais oficiais durante a realização dos Jogos Olímpicos de 2016", em liminar na última segunda-feira (8).

"Recebemos a liminar nesta manhã e já pedimos vistas ao juiz, que ele reveja o caso. Vamos respeitar a liminar enquanto estiver em vigor", afirmou o diretor de comunicação do Comitê Olímpico, Mário Andrada.

Segundo ele, a legislação tem como base a mesma lei que foi utilizada na Copa do Mundo, em 2015. "Acreditamos que as arenas não são locais de manifestações públicas políticas ou religiosas. Respeitamos o estado de direito de qualquer maneira. A lei olímpica é semelhante à da Copa, onde este tipo de manifestação também é proibida", disse.

Notícias relacionadas