Esportes

Rui parabeniza Robson e diz: "Acreditamos no esporte frente à violência"

Uma inspiração para os atletas da Bahia, Robson Conceição, se tornou finalista das Olimpíadas Rio 2016, neste domingo (14). Após vencer o cubano Jorge Lazaro Alves, o governador Rui Costa parabenizou o baiano, através das redes sociais, e disse que opugilista está cada vez mais próximo de ganhar o ouro. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução / Twitter

Por Camila Tíssia no dia 14 de Agosto de 2016 ⋅ 13:57

Uma inspiração para os atletas da Bahia, Robson Conceição, se tornou finalista das Olimpíadas Rio 2016, neste domingo (14). Após vencer o cubano Jorge Lazaro Alves, o governador Rui Costa parabenizou o baiano, através das redes sociais, e disse que o  pugilista está cada vez mais próximo de ganhar o ouro.

O atleta faz parte do projeto da Base Comunitária de Segurança (BCS) de São Caetano, em parceria com a Associação de Moradores de Boa Vista de São Caetano e dá aulas para os jovens do bairro. Sobre a ação social, Rui afirmou: "Nossa torcida é ainda maior para seu triunfo no Rio, Robson Conceição, mas o projeto na Base Comunitária de Segurança de São Caetano, em Salvador, já é campeão. A gente acredita no esporte frente à violência e ao mundo das drogas".

Projeto social
De acordo com informações do Governo do Estado, a base comunitária também oferece, na sede da unidade, aulas de judô, jiu jitso e karatê. Já na Academia Boa Vista Boxe, no bairro de Boa Vista, crianças a partir de 6 anos da comunidade local podem se inscrever nas aulas que são ministradas por voluntários. A Polícia Militar da Bahia (PMBA) oferece apoio por meio do espaço físico, manutenção do local, material utilizado nas aulas e apoio para alguns campeonatos. O estímulo ao esporte é o combustível para a expectativa de crianças e adultos por uma vida melhor e, dessa forma, afastá-los de possíveis atividades ilícitas. 

Notícias relacionadas

[Famílias recusam proposta do Flamengo]
Esportes

Famílias recusam proposta do Flamengo

Por Clara Rellstab no dia 22 de Fevereiro de 2019 ⋅ 06:36 em Esportes

Sem precisar números, tanto parentes quanto advogados disseram que a proposta foi pouco superior aos R$ 400 mil e um salário mínimo mensal