Esportes

Justiça dos EUA propõe acordo de delação premiada a Ricardo Teixeira

Segundo informações da ESPN, a justiça dos Estados Unidos teria oferecido um acordo de delação premiada ao ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira. A negociação começou há dois meses e por conta de exigências do cartola, as tratativas não avançaram.

[Imagem not found]
Foto : Reprodução / Brasil247

Por Redação Metro1 / ESPN no dia 04 de Agosto de 2015 ⋅ 10:22

Segundo informações da ESPN, a justiça dos Estados Unidos teria oferecido um acordo de delação premiada ao ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira. A negociação começou há dois meses e por conta de exigências do cartola, as tratativas não avançaram.

Ricardo Teixeira negocia para ter imunidade completa e residencia americana, entre outros pedidos.

"Os americanos já têm informações suficiente para transformar a vida dele num inferno", disse uma das pessoas que teve acesso ao pedido, ao ESPN.com.br.

O pedido do ex-mandatário de fixar residência no país americano é para conseguir transferir quantias em dinheiro caso tenha acontecido evasão de divisas, conseguindo dessa forma manter o dinheiro não declarado fora do país. Além da questão da segurança. Com as informações fornecidas, Teixeira não se sentiria seguro morando no Brasil.

Já com relação a imunidade completa, existem dois tipos. Você pode ter a imunidade sem pena corporal (não vai preso) ou com pena corporal (vai preso), mas negociando para diminuir, por exemplo, reduzir quatro, cinco crimes em que esteja respondendo a apenas um", segundo o advogado que trabalha em processos de cooperação internacional Pierpaolo Bottini informou ao site ESPN.

Notícias relacionadas