Esportes

10 jogadores revelados pela dupla Ba-Vi que saíram cedo demais

Assistindo uma partido de futebol, é muito fácil encontrar um ou outro jogador que vestiu a camisa do seu clube do coração. Essa sensação de déjà-vu também muito comum entre os torcedores de Bahia e Vitória. Tidos como promessas, diversos atletas saem muito cedo do clube de origem e acabam brilhando em outros gramados ao redor do Brasil e do mundo. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/GettyImages

Por Matheus Simoni no dia 05 de Agosto de 2015 ⋅ 16:35

Assistindo uma partido de futebol, é muito fácil encontrar um ou outro jogador que vestiu a camisa do seu clube do coração. Essa sensação de déjà-vu também muito comum entre os torcedores de Bahia e Vitória. Tidos como promessas, diversos atletas saem muito cedo do clube de origem e acabam brilhando em outros gramados ao redor do Brasil e do mundo. Muitos nem chegam a categoria profissional antes de dizer adeus.

 

Confira a lista de alguns jogadores da dupla Ba-Vi que foram embora cedo demais.

 

1. Gabriel Paulista

Uma das maiores revelações da história recente do Vitória, Gabriel Paulista surgiu nas categorias de base do rubro-negro e vestiu as cores do Leão de 2010 a 2013. O bom desempenho fez com que ele fosse vendido para o Villareal-ESP. Gabriel só precisou de uma temporada e meia para ser comprado pelo Arsenal-ING, seu clube atual.

 

 

2. Daniel Alves

Poucos torcedores se lembram de Daniel Alves vestindo a camisa do Bahia. O atleta ficou no clube de 2001 até 2002 e marcou seis gols com as cores do Tricolor. Sua passagem pelo clube baiano rendeu olhares de dirigentes do Sevilla-ESP, que contrataram o jogador logo após o início do segundo semestre. Após seis anos, Daniel foi contratado pelo Barcelona-ESP e atualmente é considerado um dos melhores laterais-direito do mundo. O atleta é presença constante nas últimas convocações para a equipe nacional.


 

3. Hulk

Se as passagens dos outros dois jogadores foram rápidas, a de Hulk no Vitória em 2004 não deu nem tempo do torcedor sentir saudade. Com apenas dois jogos profissionais realizados pelo rubro-negro, o atacante, que iniciou a carreira como lateral-esquerdo, foi vendido para o futebol japonês no ano seguinte. Com três anos de muitos gols e idolatria no território nipônico, Hulk se transferiu para o Porto-POR em 2007, onde logo se tornou ídolo do futebol português. Em 2009, o ex-rubro-negro foi comprado pelo Zenit-RUS por 60 milhões de euros. Hulk também acumula passagens pela Seleção Brasileira.

 

 

4. Anderson Talisca

Com uma carreira meteórica e projeções mirando a Seleção Brasileira, Anderson Talisca foi mais um atleta que passou pelo Bahia e deixou saudade. Atualmente no Benfica-POR, o jogador de 21 anos foi campeão baiano em 2014 vestindo a camisa tricolor. Seu desempenho na Europa fez com que o meia recebesse elogios de diversos treinadores, inclusive de José Mourinho, atual treinador do Chelsea-ING. 

 

 

 

5. David Luiz

Quando defendeu o Vitória entre 2005 e 2007, David Luiz sequer apresentava a cabeleira que ostenta atualmente no Paris Saint Germain-FRA. O zagueiro atuou pelo Leão em uma das piores épocas do clube, quando o clube baiano disputou a Série C do Campeonato Brasileiro. Com passagens pelo Benfica-POR e pelo Chelsea-ING, o jogador foi contratado pelo PSG em 2014 por 50 milhões de euros, maior valor pago a um defensor na história do futebol. David Luiz também vestiu a camisa da Seleção Brasileira na Copa do Mundo daquele ano.

 

 

6. Jorge Wagner

Natural de Feira de Santana, Jorge Wagner começou a carreira de futebolista nas divisões de base de Bahia e Vitória, mas foi no Esquadrão que ele teve a primeira oportunidade na categoria profissional. Defendendo o Tricolor, marcou nove gols. A habilidade na perna esquerda fez com que ele fosse contratado pelo Cruzeiro em 2001. Jorge Wagner chegou a vestir a camisa de times da Europa (Lokomotiv Moscou-RUS e Real Betis-ESP), mas foi no São Paulo que ele viveu seu melhor momento da carreira, conquistando dois campeonatos brasileiros. Atualmente, o meia atua pelo maior rival do Bahia, o Vitória.

 


7. Petros

Poucas pessoas sabem, mas um dos destaques do Corinthians na última temporada tem raízes rubro-negras. O meia Petros atuou nas categorias de base do Vitória. Ele ficou no clube de 2004 até 2009, mas sequer jogou uma partida no profissional do Leão. Recentemente, o atleta rescindiu o contrato com o Corinthians para defender o Betis-ESP.

 

 

 

8. Bebeto

Um dos maiores ídolos do futebol nacional, o atacante Bebeto foi revelado nas categorias de base do Bahia apos início promissor no futebol de salão da Associação Atlética da Bahia (AAB). Porém, após um mês, ele se transferiu para o Vitória, onde estreou no futebol profissional. Logo foi para o Flamengo e ganhou destaque em todo o Brasil. Bebeto ainda voltou ao Leão em 1997, onde jogou ao lado de Túlio Maravilha e Petkovic, e conquistou o Campeonato Baiano e a Copa do Nordeste daquele ano. Atualmente, o ex-jogador com 51 anos é deputado estadual pelo Rio de Janeiro, filiado ao PSD.

 

 

9. Dida

Conhecido como um dos melhores goleiros da história do país, Dida se profissionalizou no Vitória, clube que defendeu entre 1992 e 1993. Jogou pelo clube em uma das melhores fases do time na história do Campeonato Brasileiro, quando o rubro-negro chegou à final contra o Palmeiras. Dida foi campeão mundial por dois clubes diferentes: pelo Corinthians, em 2001, e pelo Milan, em 2007. O goleiro também participou do grupo que foi pentacampeão mundial em 2002 com o Brasil. Atualmente, ele é o terceiro goleiro do Internacional.

 

 

10. Bruno Paulista

Com apenas 32 jogos pelo Bahia, o meia Bruno Paulista e mais um que deixa o clube baiano mais cedo. O jogador foi vendido ao Sporting-POR por 3,5 milhões de euros. O atleta foi destaque do Tricolor na disputa do Campeonato Baiano de 2015. Bruno Paulista também fez parte da Seleção Brasileira nos Jogos Panamericanos de Toronto, no Canadá, e voltou para casa com a medalha de bronze.

Notícias relacionadas

[Candidaturas de transexuais e travestis batem recorde]
EsportesELEIÇÕES 2018

Candidaturas de transexuais e travestis batem recorde

Por Matheus Simoni no dia 23 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Esportes

De acordo com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), a presença da comunidade demonstra uma reação ao conservadorismo

[Bahia finaliza preparação para enfrentar o Vasco]
EsportesCAMPEONATO BRASILEIRO

Bahia finaliza preparação para enfrentar o Vasco

Por Matheus Simoni no dia 23 de Setembro de 2018 ⋅ 17:00 em Esportes

O técnico Enderson Moreira realizou um treinamento tático e escalou o provável time que iniciará a partida