Esportes

Investigação dos EUA aponta que Marin dividiu propina com Teixeira e Del Nero

A apuração do Departamento de Justiça dos EUA sobre a corrupção no futebol indica que o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin dividiu propinas recebidas pela exploração comercial da Copa do Brasil o também ex-dirigente com Ricardo Teixeira e o atual ocupante do cargo, Marco Polo Del Nero. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : José Cruz/ Agência Brasil

Por Juliana Almirante no dia 28 de Maio de 2015 ⋅ 11:05

A apuração do Departamento de Justiça dos EUA sobre a corrupção no futebol indica que o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin dividiu propinas recebidas pela exploração comercial da Copa do Brasil o também ex-dirigente com Ricardo Teixeira e o atual ocupante do cargo, Marco Polo Del Nero.

Conforme a investigação norte-americana, em reunião no ano passado com o presidente da Traffic, J. Hawilla, Marin, então presidente da CBF, sugeriu que a propina que era compartilhada com o antecessor, Ricardo Teixeira, deveria ser paga apenas a ele e a Del Nero. A conversa teria ocorrido em abril do ano passado, durante viagem de Marin a Miami, nos EUA. Procurada pela Folha, a CBF informou que não se pronunciaria sobre o assunto.

 

Comentarios

Notícias relacionadas