Esportes

Em crise, Fifa adia concorrência para sediar Copa do Mundo de 2026

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) decidiu adiar a concorrência entre países que querem concorrer à sede do Mundial de 2026, devido ao momento de crise na entidade abalada pela investigação de um esquema de corrupção. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : France Press

Por Juliana Almirante no dia 10 de Junho de 2015 ⋅ 11:51

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) decidiu adiar a concorrência entre países que querem concorrer à sede do Mundial de 2026, devido ao momento de crise na entidade, abalada pela investigação de um esquema de corrupção.

Acusado de desviar US$10 milhões de propina para ajudar a África do Sul ser escolhida como sede da Copa de 2010, o secretário-geral da Fifa, Jérome Valcke, afirmou, nesta quarta-feira (8), que o momento atual não é propício para receber candidaturas. Para ele, continuar o processo seria algo "sem sentido".

Até agora, a votação para eleger a sede da Copa de 2026 segue prevista para acontecer em maio de 2017, em Kuala Lumpur, na Malásia. A Fifa já recebeu os interesses oficiais de Estados Unidos, Canadá, México e Colômbia para sediarem o Mundial. Com a política de revezamento entre confederações, apenas os países asiáticos não poderão concorrer como local da competição.

Notícias relacionadas

[Tite divulga convocados da Seleção Brasileira hoje]
Esportes

Tite divulga convocados da Seleção Brasileira hoje

Por Clara Rellstab no dia 17 de Agosto de 2018 ⋅ 08:00 em Esportes

A expectativa é por uma equipe renovada para os dois primeiros amistosos do Brasil no projeto que tem duração de quatro anos (ciclo da Copa)