Justiça

Após declaração de Rui, TJ-BA nega saber que não receberá suplementação 

"O Tribunal de Justiça da Bahia desconhece, oficialmente, a questão", disse, em nota, o tribunal comandado pelo desembargador Gesivaldo Britto

[Após declaração de Rui, TJ-BA nega saber que não receberá suplementação ]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão no dia 20 de Novembro de 2018 ⋅ 10:45

Após o governador Rui Costa (PT) afirmar que não irá liberar mais verbas para suplementar o orçamento do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) e da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), a Corte afirmou que não tem conhecimento oficial da informação. 

"O Tribunal de Justiça da Bahia desconhece, oficialmente, a questão", disse, em nota, o tribunal comandado pelo desembargador Gesivaldo Britto. 

Durante a fala, Rui cobrou mais racionalização do recursos nas Casas. “Eu não tenho recurso para suplementar. Já avisei aos Poderes. A situação é dramática. Espero que cada poder dê sua contribuição. Cada um e cada gestor de cada poder tem que fazer o seu papel. Não teremos condição de fazer suplementação. Por ser o último ano [de mandato], tenho que cumprir uma série de índices. As contas que já estavam difíceis, ficaram ainda mais”, afirmou, ontem (19). 

Notícias relacionadas