Mundo

Paquistão: atentado em universidade deixa dezenas de pessoas mortas

Um ataque contra uma universidade da região noroeste do Paquistão, que ocorreu nesta quarta-feira (20), deixou dezenas de pessoas mortas em um albergue no campus da universidade de Bacha Khan, em Charsadda. O caso foi iniciado às 9h30, sendo 2h30 no horário de Brasília. De acordo com a polícia, foram 21 vítimas fatais, porém, esse número pode ser maior. [Leia mais...]

[Paquistão: atentado em universidade deixa dezenas de pessoas mortas]
Foto : Reprodução / UOL

Por Paloma Andrade no dia 20 de Janeiro de 2016 ⋅ 08:35

Um ataque contra uma universidade da região noroeste do Paquistão, que ocorreu nesta quarta-feira (20), deixou dezenas de pessoas mortas em um albergue no campus da universidade de Bacha Khan, em Charsadda. O caso foi iniciado às 9h30, sendo 2h30 no horário de Brasília. De acordo com a polícia, foram 21 vítimas fatais, porém, esse número pode ser maior. Entre eles, quatro são terroristas, quatro guardas de segurança e um policial, segundo o Exército.

Segundo o jornal inglês “The Guardian”, o chefe de polícia regional, Saeed Wazir afirmou que ocorreram três explosões. "Houve três explosões de granadas que deixaram 21 mortos confirmados, incluindo professores e estudantes", afirmou.

Ainda há incerteza em relação ao número de vítimas. De acordo com o jornal, um secretário provincial relatou que o número de mortos chega a 30. Já as testemunhas, afirmam que o número de mortos passa de 50. Elas dizem, também, que quatro suspeitos chegaram atirando na cabeça dos estudantes. Há relatos de que os criminosos usavam coletes explosivos. Logo após o início do atentado, forças de segurança cercaram a universidade e começaram a troca de tiros com os agressores.

O primeiro-ministro paquistanês, Muhammad Nawaz Sharif, lamentou o ataque. "Estamos determinados e compromissados a limpar a ameaça de terrorismo de nossa terra." 

Comentarios

Notícias relacionadas