Mundo

Aeroportos franceses tem voos cancelados devido à greve de controladores

As companhias aéreas cancelaram, nesta segunda-feira (21), um terço dos voos nos aeroportos franceses de Paris-Orly e Marselha, e 20% em Beauvais, Lyon e Nice, no segundo dia de greve dos controladores aéreos. [Leia mais...]

[Aeroportos franceses tem voos cancelados devido à greve de controladores]
Foto : Horacio Villalobos/EFE

Por Camila Tíssia no dia 21 de Março de 2016 ⋅ 07:15

As companhias aéreas cancelaram, nesta segunda-feira (21), um terço dos voos nos aeroportos franceses de Paris-Orly e Marselha, e 20% em Beauvais, Lyon e Nice, no segundo dia de greve dos controladores aéreos.

A Direção Geral de Aviação Civil (Dgac) determinou às companhias aéreas que reduzam os seus programas para hoje, por causa da continuidade da greve, que levou, nesse domingo, a alterações em outras plataformas aeroportuárias, de acordo com informações da agência Efe.

A Dgac, que teve de pedir, ontem à tarde, mais cancelamentos dos que tinha previsto inicialmente, informou que, ao fim do dia, “mais de 70% dos 86.500 passageiros” que deviam partir de Paris-Orly conseguiram chegar ao destino.

O sindicato que convocou o protesto, Engenheiros de Controle da Navegação Aérea (UnsaA-ICNA) denuncia a decisão da Dgac de “acelerar a redução de pessoal em 2016” ao não substituir entre 20% e 35% dos controladores que se aposentam, e também “a falta de investimento nos últimos anos", o que mantém sistemas antiquados, com problemas frequentes.

Notícias relacionadas

[Relatório aponta contatos de Trump com a Rússia]
Mundo

Relatório aponta contatos de Trump com a Rússia

Por Matheus Simoni no dia 18 de Abril de 2019 ⋅ 14:00 em Mundo

No entanto, o relatório, de 448 páginas, concluiu que o presidente americano não teve envolvimento direto no conluio feito com o governo da Rússia para interferir nas ele...

[Ex-presidente do Peru morre após atirar em si mesmo]
Mundo

Ex-presidente do Peru morre após atirar em si mesmo

Por Juliana Almirante no dia 17 de Abril de 2019 ⋅ 12:20 em Mundo

Ele deu um tiro na própria cabeça, após ordem de prisão por envolvimento em caso de corrupção ligado à empreiteira brasileira Odebrecht