Mundo

Líder da Grécia renuncia ao mandato e país terá eleições antecipadas

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, renunciou ao cargo nesta quinta-feira (20), em um discurso transmitido em TV. A atitude, faz com que o país tenha eleições antecipadas. Ele destacou as dificuldades das negociações das dividas gregas e explicou que não conseguiu o acordo que desejava. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Yiannis Kourtoglou / Reuters

Por Bárbara Gomes no dia 20 de Agosto de 2015 ⋅ 15:14

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, renunciou ao cargo nesta quinta-feira (20), em um discurso transmitido em TV. A atitude, faz com que o país tenha eleições antecipadas. Ele destacou as dificuldades das negociações das dividas gregas e explicou que não conseguiu o acordo que desejava.

O ministro estava sob pressão dentro do próprio partido -- Syriza. Conforme matéria do G1, mais de 40 parlamentares não apoiaram o governo na votação que aprovou o resgate de € 86 bilhões, nas últimas negociações. Com o partido dividido, a eleição antecipada já estava sendo esperada.

Após acordo com credores, a Grécia amenizou a forte crise econômica, mas passou por diversos cortes orçamentários. O ministro de Energia do país, Panos Skurletis, chegou a afirmar que as eleições antecipadas é uma opção necessária porque o Syriza enfraqueceu e perdeu o poder.

Notícias relacionadas