Mundo

Protestos no Haiti deixam feridos e ao menos seis mortos

Sob forte esquema policial, manifestantes foram às ruas contra corrupção e impunidade

[Protestos no Haiti deixam feridos e ao menos seis mortos]
Foto : EFE/ ESTAILOVE ST-VAL

Por Lara Ferreira no dia 19 de Novembro de 2018 ⋅ 20:30

O Haiti viveu ontem (18) uma série de protesto contra a corrupção e a impunidade em diversas cidades do país que deixaram, de acordo com balanço da Polícia, ao menos seis mortos e cinco feridos. 

Apesar dos números divulgados pelas autoridades, organizadores das ações afirmam que ao menos 11 pessoas morreram e 45 saíram feridas. A informação é do Estadão. 

Em Porto Príncipe, na capital do Haiti, as ruas amanheceram quase vazias após a Polícia atirar para o alto para dispersar manifestantes que  tentavam chegar ao Parlamento e utilizar gás lacrimogêneo contra quem estava no local. 

De acordo com o Estadão, a imprensa local informou que vários departamentos do país também amanheceram com atividades canceladas, como escolas fechadas e vias bloqueadas. 

Os protestos pelo país, que contaram com forte esquema policial, reivindicavam esclarecimentos do governo  sobre uso supostamente fraudulento dos fundos do Petrocaribe, programa por meio do qual a Venezuela fornece petróleo ao Haiti em condições especiais. 

Notícias relacionadas