Mundo

Governo colombiano pede que Odebrecht seja proibida de fechar contratos públicos no país

A proibição duraria 20 anos

[Governo colombiano pede que Odebrecht seja proibida de fechar contratos públicos no país]
Foto : Rovena Rosa/Agência Brasil

Por Marina Hortélio no dia 20 de Novembro de 2018 ⋅ 19:30

Após a Odebrecht ter reconhecido o pagamento de propinas, o governo colombiano pediu a Superintendência de Sociedades, órgão regulador das empresas no país, que proíba a construtora brasileira de fechar contratos públicos por 20 anos.

A petição ao regulador foi feita na noite de ontem (19) pela vice-presidente da Colômbia, Marta Lucia Ramirez, e o chefe da Agência Nacional de Defesa Jurídica do Estado, Carlos Gomez.

A Odebrecht está envolvida no maior escândalo da corrupção da América Latina e reconheceu em 2016 que o pagamento de propinas a autoridades de 12 países.

De acordo com a Procuradoria-Geral da República colombiana, os subornos da construtora brasileira no país chegam a certa de US$ 30 milhões.

Notícias relacionadas

[EUA afirmam manter apoio ao Brasil na OCDE]
Mundo

EUA afirmam manter apoio ao Brasil na OCDE

Por Juliana Almirante no dia 11 de Outubro de 2019 ⋅ 09:20 em Mundo

Manifestação ocorre depois de a agência Bloomberg revelar documento que apontava o contrário