Mundo

Explosões em hotéis de luxo e igrejas católicas deixam mortos e feridos no Sri Lanka

Atentados ocorreram na capital Colombo e em outras regiões do país durante as celebrações de Páscoa.

[Explosões em hotéis de luxo e igrejas católicas deixam mortos e feridos no Sri Lanka]
Foto : Dinuka Liyanawatte/Reuters

Por Aline Reis no dia 21 de Abril de 2019 ⋅ 07:30

Uma série de explosões em hotéis de luxo e igrejas católicas durante a celebração da Páscoa no Sri Lanka deixou 156 mortos, sendo 35 estrangeiros, e mais de 300 feridos neste domingo (21), segundo informações de autoridades policiais para a agência France Presse.

Os atentados foram registrados na capital, Colombo, e nas regiões de Katana e Batticaloa. De acordo com a polícia do Sri Lanka, os casos ocorreram por volta das 8h45 (0h15, no horário de Brasília) em três hotéis e três templos religiosos que realizavam missas. Mais tarde, outras duas explosões foram registradas na capital.

O primeiro-ministro Ranil Wickremesinghe convocou uma reunião do conselho de segurança nacional em sua casa para o final do dia. O governo informou que vai impor um toque de recolher de 12 horas no país a partir das 18h no horário local (9h30, em Brasília).

Atentados desta magnitude não tinham acontecido no Sri Lanka desde a guerra civil entre a guerrilha tâmil e o governo, um conflito que durou 26 anos e terminou em 2009, e que deixou segundo dados da ONU mais de 40 mil civis mortos. 

Notícias relacionadas