Mundo

Na COP 25, Greta Thunberg critica políticos e empresários na luta contra mudanças climáticas

"O real perigo é quando políticos e CEOs estão fazendo parecer que uma movimentação real está ocorrendo quando, na verdade, quase nada é feito", disse a ativista

[Na COP 25, Greta Thunberg critica políticos e empresários na luta contra mudanças climáticas]
Foto : UNclimatechange

Por Juliana Rodrigues no dia 11 de Dezembro de 2019 ⋅ 09:19

A ativista sueca Greta Thunberg acusou líderes políticos e empresariais de preferirem cuidar de suas próprias imagens a tomar medidas agressivas na luta contra as mudanças climáticas. A declaração foi dada hoje (11), na conferência do clima da Organização das Nações Unidas (ONU), em Madri, a COP 25.

"Parece que isso se tornou algum tipo de oportunidade para os países negociarem brechas e evitarem ampliar sua ambição", disse, sob aplausos. "Eu ainda acredito que o maior perigo não é a inatividade, o real perigo é quando políticos e CEOs estão fazendo parecer que uma movimentação real está ocorrendo quando, na verdade, quase nada é feito além de contabilidade inteligente e relações públicas criativas", acrescentou.

Durante a COP 25, líderes políticos estão lidando com pendências na implementação do Acordo de Paris de 2015, que visa evitar o aquecimento global catastrófico, incluindo a árdua questão da contabilização das emissões de carbono. Thunberg avalia que muitas promessas para equilibrar as emissões excluem o impacto do transporte marítimo, da aviação e do comércio internacional, e pediu uma ação mais rápida.

Notícias relacionadas