Polícia

PF desarticula esquema de desvio de cargas do Porto de Aratu

A Operação Carga Pesada, da Polícia Federal, cumpriu 24 mandados de prisão nesta terça-feira (16), na Bahia e em Minas Gerais, para desarticular uma quadrilha que atuava em uma cooperativa de caminhoneiros, desviando cargas de navios do Porto de Aratu, em Candeias. [Leia mais...]

[PF desarticula esquema de desvio de cargas do Porto de Aratu]
Foto : Divulgação/ PF

Por Juliana Almirante no dia 16 de Junho de 2015 ⋅ 11:33

A Operação Carga Pesada, da Polícia Federal, cumpriu 24 mandados de prisão nesta terça-feira (16), na Bahia e em Minas Gerais, para desarticular uma quadrilha que atuava em uma cooperativa de caminhoneiros, desviando cargas de navios do Porto de Aratu, em Candeias. A PF ainda cumpriu dois mandados de conduções coercitivas e 27 de busca e apreensão.


As investigações identificaram o desvio de R$ 100 milhões em mercadorias nos últimos dez anos. O primeiro escalão da organização criminosa era composto pelos diretores da cooperativa, que organizavam o transporte das mercadorias do porto para diversas regiões do país. A quadrilha contava com auxílio de guardas e empregados das empresas furtadas, agentes da empresa de segurança patrimonial, motoristas e policiais reformados.


A Polícia Federal ainda identificou três homicídios e três tentativas de homicídio praticados por integrantes da organização com a finalidade de silenciar testemunhas e garantir a continuidade dos crimes. Os envolvidos responderão por furto qualificado, participação em organização criminosa, falsidade ideológica, corrupção ativa, corrupção passiva, coação no curso do processo e homicídios de testemunhas.

Notícias relacionadas

[Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos]
Polícia

Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Polícia

Eles foram flagrados com pistola, revólver e munições, além de ter envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia