Polícia

Empresário acusado de estuprar funcionária é preso

O empresário Marcelo Ferreira Costa, de 55 anos foi encaminhado, na manhã desta quarta-feira (9), ao Núcleo de Prisão em Flagrante (NPF), na Avenida Antônio Carlos Magalhães, acusado de estuprar e manter em cárcere privado uma funcionária de sua gráfica. Ele passou a noite na carceragem da 1ª Delegacia Territorial (DT), nos Barris [Leia mais...]

[Empresário acusado de estuprar funcionária é preso]
Foto : Divulgação / Polícia Civil

Por Alaine Brasil no dia 09 de Março de 2016 ⋅ 16:25

O empresário Marcelo Ferreira Costa, de 55 anos foi encaminhado, na manhã desta quarta-feira (9), ao Núcleo de Prisão em Flagrante (NPF), na Avenida Antônio Carlos Magalhães, acusado de estuprar e manter em cárcere privado uma funcionária de sua gráfica. Ele passou a noite na carceragem da 1ª Delegacia Territorial (DT), nos Barris. Marcelo foi conduzido à 14ª DT/Barra, na última terça-feira (8), após ser denunciado pela vítima.

Interrogado pela delegada titular, Carmen Dolores Bittencurt, o empresário negou a acusação. No entanto, uma outra mulher que também trabalhou na gráfica, há alguns meses, entrou em contato com a delegacia e disse ter sido assediada, na época, pelo empresário.

A funcionária, de 22 anos, que registou a queixa, morava há 15 dias, em um cômodo alugado pelo empresário, que fica na parte de cima da gráfica, localizada no bairro da Graça. A mulher afirmou que, durante a madrugada, Marcelo foi até seu quarto e tirou as roupas, ficando apenas de cueca. Em seguida, tentou fazer sexo à força com ela.

A vítima resistiu e, irritado com a recusa, trancou a porta que dá acesso a rua, mantendo-a presa por mais de duas horas. A mulher usou o próprio celular para chamar a guarnição da 11ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), que a resgatou e conduziu até à 14ª DT/Barra.

Notícias relacionadas