Polícia

Tiroteio durante velório causa pânico no cemitério de Plataforma

Um tiroteio que ocorreu durante um velório nesta segunda-feira (15) no final da manhã, gerou terror no cemitério de Plataforma. Agentes da 14ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIMP) foram até o cemitério para amenizar a situação. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Francisco Galvão

Por Laura Lorenzo no dia 15 de Agosto de 2016 ⋅ 17:31

Um tiroteio que ocorreu durante um velório nesta segunda-feira (15) no final da manhã, gerou terror no cemitério de Plataforma. Agentes da 14ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIMP) foram até o cemitério para amenizar a situação. Não houve feridos.

A delegada da 29ª delegacia, Celina Fernandes informou que um grupo da facção Bariri invadiu o velório para impedir que o suspeito, conhecido com Mascote, fosse enterrado no cemitério. Supostamente Mascote teria algum conflito com a facção, mas não há confirmação de que ele fosse de algum outro grupo criminoso. Ainda segundo a delegada, Mascote já havia sido preso por roubo em Feira de Santana e havia investigações contra ele em Salvador pelo mesmo crime.

PMs permaneceram no local até o final do enterro de Mascote por precaução. Ninguém foi ferido durante o tiroteio mas ocorreram atrasos nos velórios programados para esta sexta-feira. Policiais militares e civis continuam a buscar por suspeitos. Até agora ninguém foi preso.

Notícias relacionadas

[Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos]
Polícia

Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Polícia

Eles foram flagrados com pistola, revólver e munições, além de ter envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia