Polícia

Mulher assume, em grupo de WhatsApp, ter matado o marido

Silvana Aparecida Miranda Andrade confessou em um grupo da família no aplicativo WhatsApp ter matada o seu marido Walter Wendson Melo mota no último sábado (27). O homem foi encontrado no domingo (28) em casa, no bairro João Marinho Falcão (Jomafa), em Feira de Santana , com marcas de tiros. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Aldo Matos / Acorda Cidade

Por Laura Lorenzo no dia 29 de Agosto de 2016 ⋅ 18:40

Silvana Aparecida Miranda Andrade confessou em um grupo da família no aplicativo WhatsApp ter matada o seu marido Walter Wendson Melo mota no último sábado (27). O homem foi encontrado no domingo (28) em casa, no bairro João Marinho Falcão (Jomafa), em Feira de Santana , com marcas de tiros.

De acordo com o jornal A Tarde, Silvana alegou não aguentar mais a situação e, por isso, decidiu comprar um revólver calibre 38 para dar fim à própria vida. Ela teria tentado se suicidar enquanto discutia com o marido, mas ele a impediu. Durante a suposta briga, ela teria atingido acidentalmente Walter com três tiros, contou a suspeita.

Suzana limpou a cena do crime e escondeu o corpo do marido no quarto deles antes de ir para a casa de uma amiga. Ainda no domingo, ela tentou novamente se matar, enfiando uma faca em seu pescoço. Ela foi levada ao Hospital Emec, onde permanece com um quadro de saúde estável e sob custódia. 

Notícias relacionadas

[Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos]
Polícia

Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Polícia

Eles foram flagrados com pistola, revólver e munições, além de ter envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia