Polícia

Fraudes de R$ 370 milhões: Operação Adsumus prende duas pessoas em Salvador

Duas pessoas foram presas nesta terça-feira (11) em Salvador, na terceira fase da Operação Adsumus, deflagrada pelo Ministério Público Estadual, com apoio das polícias Civil e Rodoviária Federal, que busca desarticular um esquema irregular de contratação de obras, locação de maquinário e realização de serviços públicos. Os nomes dos presos não foram divulgados pelo MP. Dois empresários, Paulo Vasconcelos e Roberto Santana, não foram localizados e estão foragidos. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ PRF

Por Laura Lorenzo no dia 11 de Outubro de 2016 ⋅ 15:57

Duas pessoas foram presas nesta terça-feira (11), em Salvador, na terceira fase da Operação Adsumus, deflagrada pelo Ministério Público Estadual, com apoio das polícias Civil e Rodoviária Federal. A operação busca desarticular um esquema irregular de contratação de obras, locação de maquinário e realização de serviços públicos em Santo Amaro.

Os nomes dos presos não foram divulgados pelo MP. Dois empresários, Paulo Vasconcelos e Roberto Santana, não foram localizados e estão foragidos. O Ministério Público investiga em outros 45 municípios baianos a ocorrência de fraudes em processos licitatórios com empresas de fachadas.

Oito mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Salvador, Feira de Santana, Santo Amaro, Lauro de Freitas, Camaçari, Muritiba e Ipirá. Ao todo, os contratos investigados somam um valor de R$ 370 milhões. Somente no município de Santo Amaro, as fraudes foram avaliadas em R$ 24 milhões.

“A verdade é que quando a investigação avança descobrimos empresas de fachada para aparentar legalidade em processo licitatórios. Umas ganham, outras não ganham as licitações, é apenas para fingir o processo licitatório concorrido”, contou o promotor de justiça da cidade, Aroldo Pereira.

Notícias relacionadas

[Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos]
Polícia

Ação da PM em Lauro de Freitas deixa dois mortos

Por Matheus Simoni no dia 16 de Setembro de 2018 ⋅ 17:30 em Polícia

Eles foram flagrados com pistola, revólver e munições, além de ter envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia